NASA planeja investigar crateras lunares

Há ainda muitos mistérios dezenas de metros abaixo da superfície das crateras lunares, e de acordo com o Digital Trends alguns cientistas da NASA estão dispostos a enviar robôs para investigar essas regiões.

Os objetivos dessa investigação são os mais diversos. Primeiramente, um estudo mais minucioso das crateras permitiria à humanidade compreender melhor a história dessas crateras e da própria Lua. Além disso, é possível também que as crateras tenham o espaço adequado para construir alojamentos, caso futuramente a humanidade deseje enviar missões tripuladas para lá. As crateras são, potencialmente, uma proteção tanto para as temperaturas extremas da Lua, quanto para a radiação da superfície.

A missão utilizaria um robô chamado Moon Diver, que pegaria carona em um foguete lançado na próxima década. O Moon Diver pousaria a alguns metros de uma das crateras mais profundas da Lua. Lá, um robô ainda menor de duas rodas chamado Axel sairia de dentro do Diver, e começaria a estudar a região.

Para estudar antigas rochas lunares, o Axel estaria equipado com múltiplos instrumentos, incluindo uma variedade de câmeras capazes de registrar imagens de várias distâncias. Um microscópio seria utilizado para analisar os minerais das cavernas e haveria ainda ferramentas capazes de estudar a composição química das rochas encontradas.

A realização da missão do Moon Diver foi proposta como uma das de baixo orçamento da NASA. Porém, ela compete com outras propostas que estão em pauta, como a viagem à Tritão, uma lua de Netuno, e outra ao satélite Io, de Júpiter.

Extraido de NASA planeja investigar crateras lunares

Silvio Girotto

Amante de redes sociais, comunicadores instantãneos e de Marketing Digital

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *