“Han Solo” decepciona nas bilheterias

Desde que a Disney comprou a Lucasfilm e anunciou planos de lançar um filme da franquia por ano, “Star Wars” vem sendo tudo menos normal nas bilheterias. Cada um ao seu jeito, “O Despertar da Força”, “Rogue One” e “Os Últimos Jedi” se provaram grandes sucessos de público e crítica perante os olhos dos executivos, batendo todo tipo de recorde em suas trajetórias avassaladoras pelas salas de cinema.

Uma hora tudo tem que cair, porém, e com a saga criada por George Lucas isto não é diferente mesmo debaixo das grandes asas do estúdio de Mickey Mouse. E neste caso o responsável por deixar a bola cair acabou sendo “Han Solo: Uma História Star Wars”, polêmico e problemático derivado da franquia que mostra as origens do contrabandista da história principal: embora sua estreia tenha sido projetada financeiramente por especialistas para atingir a marca dos 150 milhões de dólares graças ao feriado do Memorial Day nos Estados Unidos, o filme dirigido por Ron Howard até o momento só obteve 83,3 milhões nas bilheterias estadunidenses, e pode acabar nem passando a marca dos 100 milhões até o encerramento do fim de semana prolongado.

Há quem argumente que o histórico difícil da produção (que ajudou a inflacionar os custos à marca de 250 milhões de dólares) tenha prejudicado a relação do projeto com os fãs e que isto no fim arruinou as boas expectativas do estúdio, mas entre alguns fatores o que mais deve ter pesado para este “fracasso” foi o próprio histórico do final de semana. Embora o Memorial Day em teoria ofereça todas as condições vantajosas e tradicionais de um feriado para o mercado cinematográfico, a data nunca foi um grande chamariz de bilheteria, tendo como recordista de arrecadação no lançamento o terceiro “Piratas do Caribe” com seus parcos 139,8 milhões de dólares obtidos nos quatro dias de folga.

Além disso, “Han Solo” vem encarando uma concorrência complicada na estreia, uma de certa forma proporcionada pela própria Disney. Não só por “Vingadores: Guerra Infinita” (que continua faturando a boas taxas, alcançando até o momento 16,5 milhões nos últimos dois dias), mas também “Deadpool 2” vem seguindo forte nesta segunda semana em cartaz, gerando 42,7 milhões nas bilheterias. A sequência da história do anti-herói, vale acrescentar, é outro que sofreu com o combo do feriado e da estreia de um novo “Star Wars”: a arrecadação do longa caiu preocupantes 66% só nos EUA.

O próprio Ron Howard respondeu no Twitter aos resultados obtidos pelo filme. Questionado por um fã da série sobre os números, o diretor confirmou que a produção não “atendeu às projeções”, mas disse que os valores arrecadados representam um novo recorde pessoal em sua carreira. O cineasta sem dúvida se provou um otimista.

Somando tudo isso ao fato da temporada de verão começar a pegar fogo à partir da próxima semana, a Disney deve estar um tanto preocupada com a trajetória de “Han Solo” no mercado nestes próximos dias. Com um ano e meio de distância para o episódio IX e pelo menos dois anos para o próximo derivado (que pode ser um filme solo estrelado por Boba Fett, Obi-Wan Kenobi ou Lando Calrissian), o estúdio muito provavelmente já está analisando a conjuntura que levou o spin-off de Solo a não conseguir obter os mesmos resultados de seus antecessores.

Fonte: by [author_name]

Silvio Girotto

Amante de redes sociais, comunicadores instantãneos e de Marketing Digital

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *