Como a Rock Content ajudou a Engeman a aumentar em 350% a quantidade de leads gerados

Uma meta por si só não significa algo ruim ou bom. Como você sabe, trata-se puramente de um objetivo a ser alcançado dentro de um patamar esperado, podendo ser bom quando atingida, ou um pesadelo para que não a alcança.

E, nesse contexto, certamente você conhece alguém que fica ansioso no fim do mês com receio de não alcançá-la. Ou pior, fica devastado caso não atinja o resultado esperado.

Bem, se você não conhece alguém assim, pode ser que essa pessoa seja você!

Agora imagine-se em uma situação em que, há 7 meses, você não soubesse o que é alcançar um resultado esperado? Mês após mês dessa maneira angustiante por não conseguir entregar o que desejava.

Complicado, não é mesmo? Pois saiba que era nessa situação que a as pessoas na Engeman se encontravam há 2 anos.

Quer saber como eles saíram deste período para obter um crescimento de mais de 220% no número de sessões e mais de 350% a quantidade de leads geradas?

Continue comigo neste case!

Engeman

Engeman é o software desenvolvido para gestão e controle do processo de manutenção. Devido a sua flexibilidade, ele atende a empresas de diversos ramos de atividade, bem como de diferentes portes (sejam elas pequenas ou multinacionais), que possuem equipamentos e precisam de manutenção.

Ajudando a resolver problemas gerenciais do dia a dia desde o planejamento dos serviços de manutenção até o controle de consumo de materiais em estoque.

A empresa teve a parceria com a Rock Content iniciada logo no início de 2017, para ajudar na busca por resultados.

Resultados esses que vamos contar como foram construídos!

A aposta certa

Antes de iniciar com a Rock Content, a Engeman já tinha feito uma tentativa com o Marketing de Conteúdo.

Quando a Tássia Corradi, responsável pelo Marketing, assumiu o desafio de reverter aquele quadro de meses sem bater meta, o site tinha alguns artigos e até mesmo alguns materiais ricos, mas que, na época, não davam muito retorno.

Eles eram a consequência de uma tentativa frustrada de implementar o Inbound na empresa. Contudo, estudando sobre o assunto, Tássia conheceu a Rock Content e, acompanhando os conteúdos divulgados, aproveitava para testar uma dica ou outra que achava interessante.

Com bons resultados nesses experimentos, resolveu iniciar a conversa com um consultor que, logo na primeira conversa, passou diversos insights que serviriam de base para o projeto daquele momento em diante.

Ele (o consultor) foi muito atencioso, ouviu e entendeu todo o processo que vivíamos no momento, me deu várias dicas e me fez enxergar um horizonte muito promissor com o marketing de conteúdo.” 
Tássia Corradi

Foi nesse momento que ela conseguiu o apoio de todos para reiniciar o projeto e trazer a mudança necessária para reverter aquela situação.

O impacto inicial

Logo ao iniciar o projeto, seguindo as orientações dos consultores da Rock Content, migraram os conteúdos para o novo blog e organizou as landing pages dos materiais ricos produzidos.

Apenas com essa reformulação básica na estrutura, já puderam perceber o impacto causado — que fez com que, pela primeira vez, em 7 meses, a meta de contatos passados para vendas já fosse atingida.

Como o marketing nosso é todo digital, para bater a meta precisávamos gerar maior visibilidade no site e trabalhar estratégias para aumentar as conversões. Assim conseguiríamos mais leads e seria possível aumentar as vendas da empresa.”
Tássia Corradi

Além disso, o alinhamento com o time de vendas foi refeito. Se antes apenas os pedidos de trial chegavam aos vendedores, agora as leads eram qualificadas anteriormente, com melhor uso do formulário e dos materiais produzidos.

Usando de perguntas específicas e estratégicas para que pudessem identificar melhor o perfil do usuário e ir atrás daqueles que encaixavam no perfil desejado. Mesmo que esse alinhamento não estivesse totalmente estabelecido logo no início, só a mudança dessa postura já causou impacto nos resultados.

Como consequência, todos os times perceberam a importância desse alinhamento para o sucesso da estratégia, que viria a ser trabalhado de maneira cada vez melhor com o passar do tempo.

A gestão do conteúdo

Mas o maior desafio para a implementação da estratégia de conteúdo na Engeman não era necessariamente o processo ou a estratégia Inbound, mas o conteúdo em si.

O software Engeman dialoga muitas vezes com pessoas envolvidas em manutenção de maquinário pesado, com boa formação técnica e os conteúdos precisavam acompanhar essa linha. E essa falha na abordagem havia sido um dos principais motivos do fracasso na primeira tentativa.

Para não repetir os erros, era preciso garantir a gestão da produção para tornar tranquila a participação dos especialistas da empresa, um ponto crucial para o sucesso.

Os técnicos já auxiliavam na produção de conteúdo antes da parceria com a Rock, contudo, achavam essa atividade um pouco complicada e apoiaram bastante quando receberam a nova proposta de serem entrevistados para que a base de talentos da Rock realizasse a produção.

Coube ao Marketing fazer a ponte entre Rock Content e especialistas. Hoje, o Marketing da Engeman tem um papel extremamente importante, agendando as entrevistas com antecedência, organizando horários específicos para as entrevistas e, por fim, também cobrando as respostas nos prazos combinados, garantindo o fluxo de produção.

Esse processo ainda foi altamente interessante para a Engeman, pois não só os conteúdos ficaram melhores por serem feitos por redatores especializados, como também os custos diminuíram, já que os técnicos tinham de parar suas atividades para poder escrever o conteúdo.

Outro diferencial importante para a diretoria foi o fato de que a Rock já era especialista e garantiria um serviço de qualidade oferecido. Se nós fossemos fazer por conta própria, os custos seriam muito mais altos e não teríamos profissionais com tanta experiência quanto a Rock atuando no projeto.”
Tássia Corradi

Os resultados

Com estas ações simples, a Engeman foi capaz de passar por um período atribulado direto para uma crescente de sucesso.

Como disse, hoje o blog está em alta, com um crescimento de mais de 220% no número de sessões. E o maior problema da empresa na época — a geração previsível de leads — já não é algo que preocupa tanto, uma vez que a empresa conseguiu aumentar em mais de 350% a quantidade de leads geradas.

Essa melhora fez com que eles aumentasse não só as leads, como também conseguisse cortar outros custos, investindo menos e gerando mais.

Desde então, não passamos nenhum mês sem atingir nossa meta. Os resultados são cada dia melhores.

Hoje investimos 1/6 do que investíamos antes em mídia paga e conquistamos um excelente posicionamento orgânico. Mas o trabalho não para nunca, a cada reunião com a Rock Content são milhares de ideias e dicas de melhorias passadas para nossa equipe e corremos atrás a todo vapor para atingir sempre os melhores resultados com as melhores práticas.

Hoje tudo funciona muito bem, e não conseguimos imaginar a Engeman sem a Rock Content.
Tássia Corradi

Quer levar os mesmos resultados para a sua empresa? Fale com um de nossos consultores.

Extraido de Como a Rock Content ajudou a Engeman a aumentar em 350% a quantidade de leads gerados

Silvio Girotto

Amante de redes sociais, comunicadores instantãneos e de Marketing Digital

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *